Notícias

“Um concelho que não sabe valorizar o seu passado e a sua história é um concelho sem futuro. Felizmente temos tantas entidades, individuais e coletivas, a quem agradecer”. Foi desta forma que Célia Marques, presidente da Câmara Municipal de Alvaiázere, enalteceu o povo alvaiazerense, a sua história e a sua identidade no dia 13 de junho, dia do Concelho.

Integrada nas comemorações do Dia do concelho de Alvaiázere, a Gala do Desporto fazia inicialmente parte das atividades da Escola do Benfica de Alvaiázere/Grupo Desportivo de Alvaiázere.

A acontecer pelo segundo ano consecutivo, o Festival Literário Internacional do Interior – Palavras de Fogo (FLII) decorreu entre os dias 14 e 17 de junho. Pensado para “homenagear as vítimas dos fogos florestais de 2017”, o objetivo do FLII é levar os livros e os escritores aos sítios mais inusitados e imprevisíveis, como “fábricas, campos, praias, igrejas, mercados, romarias locais onde as pessoas trabalham e convivem”.

O Grupo de Voluntariado Comunitário do concelho de Alvaiázere concretizou a realização de duas iniciativas, um espetáculo e uma caminhada - “O Que Nos Liga”.

No dia 3 de maio, antigos alunos, colegas, amigos e família, reuniram-se para homenagear o Maestro António de Jesus Simões.

Unindo 60 entidades, a Federação Portuguesa do Caminho de Santiago foi formalizada no dia 17 de maio em Vila Pouca de Aguiar.

À semelhança do que já tinha acontecido há nove anos, em 2010, o Encontro Nacional de Teatro na Escola voltou este ano a realizar-se em Alvaiázere, de 24 a 27 de abril.

Semana da Educação facultou aos alunos um conjunto de atividades diferenciadoras, ao nível do desporto, cultura, educação cívica, patrimonial e ambiental.

A Associação de Cultura Alva Canto foi a única a promover a comemoração do 25 de Abril no concelho de Alvaiázere com o concerto “Cantar Abril”.

Como manda a tradição, o programa deste dia especial começou bem cedo com o hastear da bandeira com Guarda de Honra, ao qual se seguiu a cerimónia religiosa, celebrada pelo padre Celestino Brás, e com a qual se homenageou os bombeiros já falecidos. A romagem ao cemitério é também parte integrante desta festa, à qual se seguiu o desfile apeado e motorizado até ao quartel dos BVA.

O dia 16 de março ficará marcado para sempre na memória de 15 pessoas, a maioria jovens que se encontram a fazer a preparação para o Crisma e seus catequistas. Saíram de Almoster com destino a Lisboa para fazer o bem: distribuir ajuda a pessoas sem abrigo.

Durante dois dias, 9 e 10 de março, a Associação de Apoio Social, Cultural, Desportiva e Recreativa de S. Pedro, freguesia de Pussos S. Pedro festejou o seu 27º aniversário, entre os seus sócios e também amigos.

O primeiro dia ficou marcado pelo baile com o grupo Só Ritmo que animou todos os presentes na sede da associação, tendo sido este de entrada gratuita.

O segundo dia de festejos iniciou com o tradicional hastear das bandeiras, sido de seguida a missa em memória de todos os sócios já falecidos, momento alto para os habitantes mais crentes do lugar.