Bombeiros Voluntários de Alvaiázere vão ter quartel renovado

Obras de requalificação já arrancaram

Tiveram início no mês de janeiro as obras de requalificação do quartel dos Bombeiros Voluntários de Alvaiázere (BVA), no âmbito da candidatura ao POSEUR - Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, no âmbito do Programa Portugal 2020, no valor de 535 mil euros, com um financiamento aprovado na ordem dos 85%.

Segundo o Comandante dos BVA, Mário Bruno Gomes, estas obras, que vão durar cerca de oito meses, têm em vista “a melhoria das condições de higiene, lazer e descanso dos bombeiros, das salas de formação, das salas de apoio tático e operacional, da central telefónica e do aproveitamento dos recursos energéticos”. Para além disso, vai também ser feito um aumento do parque de viaturas, com a construção de novas garagens que permitam albergar todas as viaturas de que a corporação dispõe, uma vez que o existente “já se tornava pequeno”.

O Comandante dos BVA adiantou ainda ao Jornal “O Alvaiazerense” as novidades previstas para a celebração do 78º aniversário, que terá lugar no dia 11 de março: a corporação, atualmente com 76 elementos, irá ser reforçada com a entrada de 12 novos bombeiros e será feita a bênção da nova viatura de combate a incêndios (VTTF – Veículo Tanque Tático Florestal), também ela fruto da candidatura ao programa de fundos comunitários, no valor de 173 mil euros com uma comparticipação de 80%.

Mário Bruno Gomes afirmou ainda que este ano iniciou-se também uma nova recruta, com um total de 15 elementos, e que terminou no passado dia 26 de janeiro o prazo de consulta pública do projeto de Regulamento Municipal do Estatuto Social do Bombeiro Voluntário de Alvaiázere, aprovado pelo executivo municipal em novembro do ano passado.

Este novo regulamento, que visa premiar diretamente o esforço e dedicação dos Bombeiros a toda a população, estipula deveres, obrigações, concessões, regalias e direitos aos BVA e prevês como principais medidas: apoio judicial para encaminhamento jurídico em processos motivados pelo exercício de funções de bombeiro, refeições escolares gratuitas e isenção de pagamento para participação nos programas ocupacionais municipais a todos os Infantes e Cadetes, isenção de taxas inerentes à utilização de equipamentos municipais, como as piscinas ou o Pavilhão Municipal e redução das tarifas fixas dos serviços de abastecimento de água, de saneamento e de recolha de lixo.

Mário Bruno Gomes mostrou-se bastante satisfeito com o arranque das obras no quartel, que vão proporcionar aos bombeiros melhores condições de conforto, higiene e da própria operacionalidade, e também com a aquisição da nova viatura, frisando que as maiores necessidades passam agora pela aquisição de uma viatura de transporte de doentes, de extrema importância num Concelho do interior e com a população envelhecida como a de Alvaiázere.

Cláudia Martins