Bruno Furtado de Sousa foi eleito presidente da Adeca

Decorreram no dia 30 de março as eleições para os novos corpos sociais da Adeca – Associação de Desenvolvimento do Concelho de Alvaiázere. Os órgãos sociais em funções reorganizaram- se para garantir a continuidade desta Associação, e Bruno Furtado de Sousa, gerente da Odraude – Construção Civil e Obras Públicas e vice-presidente da Associação, foi eleito como novo presidente.

Em declarações ao Jornal “O Alvaiazerense”, Bruno Furtado de Sousa destacou como principais objetivos para os próximos três anos de mandato “dar mais vida à Associação, chamar os sócios a intervir mais ativamente, prestar um apoio mais direto e mais eficaz aos associados naquilo que é o âmbito da Associação, e diversificar a oferta”.

Para além disso, o novo presidente afirmou ainda que, logo após a assembleia- geral, foi feita uma “alteração dos estatutos da Associação, dado que não existe qualquer entidade que apoie os produtores rurais, entendemos por bem abrir mais uma porta a quem precisa de ajuda. Com esta alteração de estatutos, houve também uma alteração da denominação, passando a ser a Adeca - Associação de Desenvolvimento Integrado do Concelho de Alvaiázere, exatamente por integrar agora o setor primário”, afirmou.

“A Adeca tem como missão prestar um apoio diferenciado aos associados, aos empresários e às empresas, no apoio a candidaturas ao novo quadro comunitário Portugal 2020, bem como nos apoios à contratação por parte do IEFP, na parte legal, nos processos de licenciamento e obtenção de alvarás, acesso a nova legislação e obrigações fiscais, em suma, em toda a burocracia de uma associação empresarial”, concluiu Bruno Furtado de Sousa.

Além de todos estes serviços, integra também na sua génese o apoio aos desempregados através do GIP (Gabinete de Inserção Profissional), já há cerca de 12 anos que todos os desempregados do Concelho podem, na sua terra, tratar de assuntos relativos à sua situação de desemprego, nomeadamente inscrição no IEFP, pedidos de subsídio de desemprego, apresentações quinzenais e procura ativa de emprego, sem terem de efetuar qualquer deslocação a Figueiró dos Vinhos. Como cada vez os recursos são mais parcos e a comparticipação do IEFP também foi diminuindo ao longo dos anos, neste momento apenas é possível à Adeca manter uma técnica em funções.

No dia 16 de maio, a Adeca esteve também presente na cerimónia de tomada de posse dos órgãos sociais da União das Associações da Região de Leiria (UARL), que pretende assegurar a igualdade de tratamento e acesso aos meios em todo o território, captando para o interior do Distrito mais investimento e mais apoios. Bruno Furtado de Sousa integra o Conselho de Presidentes da UARL, Rui Grácio faz parte do Conselho Fiscal e Leandra Garcez da mesa da assembleia-geral.

Para além da Adeca, fazem parte da UARL mais seis Associações do Distrito de Leiria, nomeadamente a ACILIS (Associação de Comércio, Indústria e Serviços da Região de Leiria), a ACSP (Associação Comercial e de Serviços de Pombal), a AEDA (Associação Empresarial de Ansião), a AEPG (Associação Empresarial Penedo do Granada), a AEPIN (Associação Empresarial do Pinhal Interior) e a AICP (Associação de Industriais do Concelho de Pombal).

No início de junho, a Adeca pretende apresentar um novo projeto que integra, e que trará uma vida nova à Associação.

Cláudia Martins
Tags: