Comemoração do Dia do Concelho

Autarca destacou candidaturas submetidas pelo Município de Alvaiázere

Teve lugar no passado dia 13 de junho, da parte da tarde, na Casa da Cultura Municipal de Alvaiázere as comemorações referentes ao Dia do Concelho.

A sessão solene começou com um pequeno momento de música, dinamizado por um dueto de alvaiazerenses, para animar todos os presentes no auditório. O presidente da Assembleia Municipal, Álvaro Pinto Simões, pisou o palco e começou por dar as boas vindas a todos, felicitando a presidente da Câmara Municipal de Alvaiázere (CMA) por homenagear as associações mais antigas no Concelho, relatando, de seguida, um pouco daquilo que conhece de cada associação em questão.

Álvaro Pinto Simões declarou que aquele era “o dia do Concelho e de todos os alvaiazerenses” e que sempre foi defensor de o Festival Gastronómico do Chícharo se realizar em Outubro (que será o que vai acontecer este ano), dizendo ainda que “estas iniciativas são essenciais para continuar a desenvolver Alvaiázere”.

Célia Marques, presidente da Câmara Municipal de Alvaiázere, começou o seu discurso por afirmar que o “Dia do Concelho” é um dia de reflexão, de cada um refletir sobre o que se dá e o que se tem. Esta anunciou que “estão submetidas 16 candidaturas do município ao quadro comunitário de apoio 2020, perfazendo um valor total de investimento de aproximadamente 6,7 milhões de euros”. Evidenciando, de seguida, que oito candidaturas já se encontram aprovadas, nomeadamente a da Loja do Cidadão; a Plataforma Empresarial de Alvaiázere; a beneficiação e alargamento da Zona Industrial de Tróia; a intervenção na envolvente ao Tribunal; o cadastro das Infraestruturas de Saneamento e Águas Residuais. As restantes três candidaturas aprovadas são parceria no âmbito da Comunidade Intermunicipal da Região de Leiria (CIMRL), num total de 2,2 milhões de euros.

A presidente da CMA comunicou que, também, submeteram uma outra candidatura em parceria com o município de Ansião no valor de 200 mil euros dizendo, ainda, que foram feitas outras candidaturas para as áreas de educação e cultura. O município candidatou-se, singularmente, ao programa “Valorizar do Turismo de Portugal” para conseguir financiamento para os seguintes projetos: a Casa do Pai Natal, na antiga escola Cesário Neves; o Museu de Duas Rodas, na antiga casa do Dr. Celestino e do Restaurante Pedagógico, para vir a funcionar no Museu Municipal, com um investimento total de 858 mil euros.

A autarca também deu ainda destaque às iniciativas para a promoção do ambiente empreendedor e empresarial, como por exemplo, os bootcamps do programa “Alvaiázere+”, as sessões de formação, os apoios atribuídos aos jovens e às empresas incubadas na Incubadora, realçando ainda que está em “vigor um regime de apoio às empresas, em que reduzimos ou isentamos todas as taxas municipais relacionadas com a actividade empresarial”.

No entanto nem tudo é positivo, mas que é preciso acreditar, ver o que se pode fazer e cada um ter a capacidade de acreditar que é possível, sendo este o grande desafio para enfrentar as dificuldades.

Mónica Teixeira