Autarquia

As Comemorações do Dia do Concelho ficaram este ano marcadas pela apresentação de duas novidades no setor do Turismo: um novo mapa turístico com base na tecnologia de realidade aumentada, que estará disponível na aplicação móvel do Município de Alvaiázere, e um vídeo promocional intitulado “Alvaiázere Bem me Quer”.

Tal como o Jornal “O Alvaiazerense” já tinha noticiado na edição de dezembro, o antigo edifício do Tribunal de Alvaiázere vai ser transformado em Loja do Cidadão e as obras vão arrancar ainda este ano.

O Jornal “O Alvaiazerense” realizou uma investigação nos 15 Municípios que fazem parte do Distrito de Leiria para estabelecer uma comparação entre as tarifas praticadas.

No passado dia 23 de janeiro, o Município de Alvaiázere apresentou o MOVE, um novo sistema de transporte flexível que fará a ligação entre os lugares das cinco freguesias do Concelho e a vila de Alvaiázere, numa viagem de inauguração que fez o circuito da freguesia de Pussos S. Pedro e na qual estiveram presentes a presidente do Município, Célia Marques, a vice-presidente, Sílvia Lopes, o vereador Agostinho Gomes e os presidentes da Juntas de Freguesia de Almoster, Alvaiázere, Maçãs de D. Maria e Pussos S.

O Município de Alvaiázere submeteu uma candidatura a fundos comunitários para a execução das obras de requalificação da zona envolvente ao Tribunal, num valor total de investimento de 148.459,20 euros (referentes à empreitada e à execução do projeto).

Durante o mês de dezembro foi anunciada a aprovação da candidatura, sendo que o valor a suportar pela autarquia será de 22.268,88 euros, o que representa aproximadamente 15% do valor total.

No dia 11 de outubro, a Câmara Municipal de Alvaiázere anunciou que o Centro 2020 aprovou o Plano de Ação para a Regeneração Urbana (PARU) da vila de Alvaiázere, num investimento global que ultrapassa os 2.327.540,00 de euros.

As obras, que vão começar ainda este ano, incluem a requalificação urbana da zona envolvente ao edifício do tribunal e a adaptação e transformação da antiga escola do primeiro ciclo de Alvaiázere numa plataforma empresarial na qual irá funcionar o segundo polo da incubadora de negócios, com um modelo de funcionamento inovador.

Reunida no dia 26 de outubro, a Câmara Municipal de Alvaiázere aprovou o Orçamento e as Grandes Opções do Plano do Município para o ano de 2017, com os votos favoráveis dos eleitos pelo Partido Social Democrata (PSD) e com a abstenção da oposição (PS e CDS-PP).

O valor global do orçamento ascende aos 9.918.831,00 de euros, o que representa uma diminuição na ordem dos 13,75% face ao orçamento de 2016, dando continuidade ao ajustamento orçamental que tem vindo a acontecer nos últimos anos.

A Câmara Municipal de Alvaiázere aprovou por unanimidade, no mês de agosto, uma tomada de decisão que contesta o facto de a redução de 15% no valor das portagens de autoestradas em territórios de baixa densidade populacional não contemplar a A13

Ao longo dos anos, houve em Alvaiázere, à semelhança de outros Concelhos do país, uma descida significativa do número de alunos nas escolas, o que teve como resultado o abandono de várias escolas primárias. Para reaproveitar esses espaços, a Câmara Municipal de Alvaiázere deu início ao projeto “Alvaiázere, Património Gerador de Riqueza”, com o objetivo de dar utilidade às diversas escolas abandonadas nas várias freguesias do Concelho.

A inauguração oficial do certame Alvaiázere Capital do Chícharo – 36ª FAFIPA e 14º Festival Gastronómico teve lugar no dia 10 de junho, pelas 15h00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

A mesa foi constituída por Célia Marques, presidente da Câmara Municipal de Alvaiázere, Álvaro Pinto Simões, presidente da Assembleia Municipal e Pedro Machado, presidente do Turismo do Centro de Portugal.