Gala Desportiva de Alvaiázere homenageou Associações e Atletas do Concelho

Integrada nas comemorações do Dia do concelho de Alvaiázere, a Gala do Desporto fazia inicialmente parte das atividades da Escola do Benfica de Alvaiázere/Grupo Desportivo de Alvaiázere (EFB/GDA) mas o Município “não só apoiou a iniciativa, como se propôs a dar-lhe uma dimensão mais completa e digna”. Assim, na tarde do dia 16 de junho, atletas, pais, familiares, treinadores e comunidade em geral vestiram o seu melhor fato para comparecerem ao evento que atribuiu um prémio de participação a todos os atletas que, na época desportiva 2018/2019, deram corpo e forma às diversas modalidades desportivas do concelho. Foram ainda atribuídos alguns prémios de mérito individual.

Sara Viana e Miguel Carvalho deram voz a esta gala, sendo os seus anfitriões, e Célia Marques, presidente do Município discursou, realçando “estou convicta de que a aposta que o atual executivo fez em estabelecer novas parcerias com vista a rentabilizar os equipamentos desportivos do concelho foi a mais acertada, conforme a realidade tem demonstrado e demonstra neste evento que aqui hoje se realiza e que é mobilizador de centenas de pessoas”.

Começou então com a homenagem aos atletas que integram as diversas modalidades promovidas pelo Grupo Desportivo de Alvaiázere, “entidade determinante para manter o desporto como força viva e mobilizadora da comunidade alvaiazerense”. A primeira modalidade à qual se fez referência foi o Ballet, cujas aulas são coordenadas pela professora Inês Silva, e que fez a abertura desta gala com uma apresentação de dança das suas bailarinas. Foram entregues, pela diretora das modalidades do GDA, Ana Filipa Duque, dois prémios de assiduidade às atletas Margarida Simões e Matilde Cruz.

De seguida, foram homenageados os praticantes de Yoga, orientados pela professora Cláudia Silva, que entregou os prémios. Logo após, foram chamados os alunos da Hidroginástica e de GAP, orientadas pelo professor Miguel Cardoso.

A modalidade de natação conta com nove turmas: a turma de natação para bebés; adaptação ao meio aquático, nível um e dois; adaptação ao meio aquático, nível dois/introdução às técnicas; turma de aperfeiçoamento, nível elementar e avançado e natação paras adultos. Em cada modalidade foram distinguidos dois alunos, um com prémio de assiduidade e outro com prémio revelação.

Seguiu-se uma apresentação de karaté. Porque os professores e mestres “partilham com os nossos atletas o seu conhecimento, determinação e gosto pela prática desportiva” foram convidados a subir a palco para, também eles, receberem um prémio, entregue por Carlos Trindade, presidente do GDA.

Findas as homenagens aos atletas do GDA, seguiram-se as da ACREDEM, na modalidade de futsal. Foi chamada a palco toda a equipa e o seu treinador que entregou o prémio revelação a José Oliveira e o prémio de melhor atleta a Eduardo Saavedra. Foram ainda distinguidos os diretores e respetiva equipa técnica: Rui Mendes, Donato Silva, Mafalda Carvalho e José Deus. A entrega dos prémios foi feita por Henrique Rosa, presidente da Associação. “Parabéns à ACREDEM pelo seu contributo de extrema importância para o desenvolvimento da prática desportiva no nosso Concelho”.

Mas nem só de bola vive Alvaiázere e a Associação Amigos dos Casais do Vento são exemplo disso. “Tem sido determinante o trabalho desenvolvido por esta Associação, na modalidade de atletismo. Através dos seus resultados têm levado o nome da freguesia de Pelmá e do concelho por todo o país e alémfronteiras, destacando-se os atletas pelos excelentes resultados alcançados”. Joana Pontes - que já conquistou mais de 50 medalhas em competições distritais, oito em campeonatos nacionais de marcha em pista coberta e de estrada e, a nível internacional, foi finalista na taça do mundo das nações – e Catarina Costa – conquistou cerca de 18 medalhas em campeonatos distritais, um honroso 6.º lugar no Olímpico Jovem Nacional e um 8.º lugar no Campeonato Nacional – receberam prémios de mérito. António Gonçalves, presidente do GACV entregou ainda um prémio a Paulo Pontes, treinador na Associação.

Apesar da Escola do Benfica de Alvaiázere não ser nenhuma Associação, fez-se representar e os seus atletas foram homenageados nesta gala por estar ligada à formação dos jogadores do GDA. Os escalões do 1.º passo, Petizes e Traquinas subiram ao palco, tendo recebido, cada atleta, um troféu. A partir deste escalão foram reconhecidos os atletas com o prémio revelação, “decidido pelos treinadores de cada equipa”, e o prémio de melhor jogador, “atribuído por votação secreta de todos os atletas e treinadores”. Acompanhados pelos seus treinadores, subiu ao palco o escalão de Benjamins 2009. Tomé Ribeiro arrecadou o prémio revelação e o de melhor jogador coube a Tito Lopes. Já no escalão seguinte, Benjamins 2008, o prémio revelação foi para João Brás e Fábio Capela levou o de melhor jogador. João Ribeiro, Diogo Rodrigues e Gonçalo Ferreira treinam os Infantis 2007, escalão no qual o atleta Rodrigo Nunes venceu o prémio revelação e Tomás Bento foi eleito o melhor jogador. Nos Infantis 2006, Sandro Fonseca foi eleito a revelação e Tomás Carvalho o melhor jogador. Jorge Marques e Bruno Oliveira treinam os Iniciados 2004 e 2005, escalões onde Diogo Areias e José Lourenço venceram o prémio revelação e Simão Guia e Filipe Oliveira, os de melhores jogadores. Todos os treinadores foram chamados a subir a palco, tendo sido agraciados também eles com galardões, pelo seu trabalho.

Para o fim da gala ficaram os escalões Juvenis, Séniores e Veteranos do GDA. “Reiteramos a importância deste nosso clube para o fomento da prática desportiva no território alvaiazerense, mobilizando, ao longo dos anos, milhares de atletas nas diversas modalidades e faixas etárias. Destaque para os órgãos sociais que desde a sua fundação contribuíram para a afirmação e enraizamento do clube em Alvaiázere”. Mas, antes das últimas homenagens, ouviu-se, em estreia absoluta, o Hino do GDA, pela voz de Matilde Jesus. Ouvido o hino, o escalão Juvenis do GDA subiu ao palco. Diogo Oliveira levou o prémio revelação e Marco Rodrigues o de melhor jogador. No escalão de Seniores, Rafael Almeida foi galardoado prémio revelação e Carlos Ferreira o melhor jogador.

Nem tudo dura para sempre e a carreira dos atletas no clube é exemplo disso. Por isso, foram ainda entregues os prémios carreira a João Carvalho, André Ramos e Jorge Marques, atletas que terminaram a sua carreira de jogadores ao serviço do futebol e do clube e que “merecem ser reconhecidos pelo seu empenho, perseverança e amor ao GDA e Alvaiázere”. A terminar, a equipa de Veteranos, mais conhecida por “Pés de Chumbo”. No dia em que se reconheceu e homenageou tanta gente, distinguiuse, no fim, “um homem que desde sempre está ligado ao desporto em Alvaiázere, que capitaneou a equipa sénior do GDA, conduzindo-a por duas vezes à subida à 3.ª divisão. Fundou os veteranos do GDA e dinamiza, ainda hoje, toda a sua atividade. Homenageamos, com o prémio carreira, Rui Oliveira”.

Foi um final de tarde longo, onde foram ainda apresentados vários vídeos com imagens da EFB/GDA e o artista “Zé Mágico” animou novos e graúdos com alguns truques de magia.

Ana Catarina de Oliveira