PROPRIEDADE: CASA DO CONCELHO DE ALVAIÁZERE
DIRECTOR-ADJUNTO: CARLOS FREIRE RIBEIRO
DIRECTOR: MARIA TEODORA FREIRE GONÇALVES CARDO
DIRECTOR-ADJUNTO: CARLOS FREIRE RIBEIRO

Votar é seguro - 30 de Janeiro

O reconhecimento marcou o Dia do Concelho

30 de Junho de 2021

Com a entrega da Medalha Municipal de Mérito ao prestigiado botânico, Mário Lousã, e a Medalha do Concelho aos Bombeiros, ao Centro de Saúde e a cinco entidades com estruturas residenciais para idosos.

No dia do concelho de Alvaiázere, 13 de junho inaugurou-se uma nova praça, no centro da vila, que segundo a Presidente da Câmara Municipal, Célia Marques, será designada por Praça Comendador Cesário Neves, topónimo já aprovado pela CMA, faltando só a ratificação deste pela Assembleia Municipal. Felicitou a equipa projetista, arquiteta, Mariana Batista e o gabinete D-Solution, “que tão bem captaram a conceção que tinha para este espaço. Em especial à Mariana, enquanto alvaiazerense e que sei, foi amplamente escrutinada, o meu sincero obrigada”. E foi nesta nova praça que decorreram as comemorações deste dia com a apresentação de dois livros emblemáticos para o concelho, um sobre os 26 anos de marchas populares, com registos fotográficos e temáticas, sendo a responsabilidade desta recolha do Vice-Presidente, Agostinho Gomes, e outro com todas as receitas e suas ilustrações, resultantes do Concurso “Alvaiázere Sabe Bem”, tendo os participantes deste recebido os respetivos prémios.

Foram reconhecidas também pelo município, com as medalhas do concelho, as entidades que mais sofreram ou que mais colaboraram com as populações nestes tempos de pandemia, Casa do Povo de Alvaiázere, Associação da Casa do Povo de Maçãs de D. Maria, Santa Casa da Misericórdia de Alvaiázere, ERPI Conchego de Alvaiázere, ERPI São Jorge II, Associação Humanitária dos Bombeiros de Alvaiázere e o Centro de Saúde de Alvaiázere.” Hoje a nossa Homenagem é também para este grande grupo de Alvaiazerenses! Aos destemidos bombeiros voluntários, aos empenhados colaboradores das entidades sociais, aos preocupado e dedicados funcionários do centro de saúde de Alvaiázere quero agradecer e oferecer, em meu nome e do Executivo Municipal, a medalha do concelho pelos Vossos serviços neste ano atípico que tanto exigiu de Vós”.

Um Minuto de Silêncio

Seguiu-se um minuto de silêncio, de homenagem aos que partiram e de respeito pela dor das suas famílias, proposto pela Presidente da Câmara que todos respeitaram sentidamente, “É, também, o dia de recordar os 20 alvaiazerenses que nos deixaram e às suas famílias, no âmbito desta pandemia e também, todos quantos partiram neste contexto pandémico e cujas famílias não tiveram a despedida com a dignidade que se exigia”.

A medalha municipal de mérito, este ano, foi atribuída a um investigador do nosso património natural, com a edição de livros sobre este, e membro ativo dos corpos sociais da associação Al-Baiaz, filho de Alvaiazerenses e professor catedrático jubilado do Instituto Superior de Agronomia, em Lisboa, com uma vasta obra publicada e espalhada pelo mundo, sendo o seu nome apresentado pela Presidente, Célia Marques, “Mas, Alvaiázere, além deste povo altruísta, é muito mais. É natureza, é carvalho cerquinho, é orquídeas selvagens… é de uma riqueza que só o Prof. Doutor Mário Lousã consegue descrever com tamanho rigor e precisão. Por isso, hoje homenageamos este Homem que tanto tem contribuído para o conhecimento científico deste território cársico”. E aproveitou para partilhar com todos os presentes que o Município irá lançar em breve a concurso público a obra de requalificação da Mata do Carrascal, transformando os seus 14 hectares num parque botânico e que é sua intenção propor o nome do professor Mário Lousã para este novo parque perpetuando assim, o nome deste grande investigador científico em Alvaiázere.

E concluiu acreditando num futuro melhor, “hoje é também o dia de olhar para o futuro. Olhar para o que estamos a construir e, projetar essa ambição na construção da sociedade que queremos… Acreditar que a nossa população será mais unida e defensora deste território e que saberá valorizar a singularidade dos nossos recursos endógenos… Acreditar que o nosso tecido associativo continuará empenhado no seu papel de dinamizador cultural e desportivo… e que as nossas empresas terão a resiliência necessária para a manutenção dos seus projetos… Acreditar que continuaremos a atrair novas empresas e investimento… e que o setor turístico aumentará…Acreditar que o futuro só depende de nós e da nossa capacidade de nos reinventarmos e de nos valorizarmos enquanto território com enorme capital social, cultural e económico… É este o meu desejo para este Dia do Concelho… Que sintam, acreditem e vivam Alvaiázere”. A nova praça, insere-se no Plano de Ação de Regeneração Urbana de Alvaiázere aprovado em 2016, que previa entre outras obras, a regeneração urbana do centro da vila, que foi efetuada em duas fases num investimento total cerca de 902 000,00€ e financiada a 85% pelo Centro de 2020.

Na presença dos Presidentes da Assembleia Municipal, Álvaro Pinto, da Câmara, Célia Marques, e da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento da Região Centro, Isabel Damasceno foi inaugurada a nova praça com a bênção do Padre André Sequeira e o descerrar da lápide pelo Secretário de Estado Adjunto e do Desenvolvimento Rural, Carlos Miguel, que considerou a regeneração urbana um íman de progresso e desenvolvimento, possibilitando conservar mais gente nos sítios onde nasceram, em espaços limpos e atrativos para o convívio e a partilha de saberes, desejando a todos os presentes bons encontros nesta e noutras praças.

Teodora Cardo

Votar é seguro - 30 de Janeiro