PROPRIEDADE: CASA DO CONCELHO DE ALVAIÁZERE
DIRECTOR-ADJUNTO: CARLOS FREIRE RIBEIRO
DIRECTOR: MARIA TEODORA FREIRE GONÇALVES CARDO
DIRECTOR-ADJUNTO: CARLOS FREIRE RIBEIRO

Segurança

30 de Setembro de 2021

Editorial

As questões transnacionais como, ambiente, migrações e segurança vivem em paralelo com o nosso quotidiano, já que pelos media não podemos ficar longe ou imunes a esses problemas do mundo de hoje, que colocam em risco a nossa alimentação, o ar que respiramos, e a nossa própria vida.

Nestes tempos pandémicos a nossa segurança pode estar sempre em risco, pelo perigo de uma contaminação mortal, e até numa saída à rua, sermos vítimas de um ato terrorista.

Desde o 11 de setembro de 2001 que é impossível desconhecer esta ameaça do terrorismo, quando os EUA, os mais poderosos do mundo, foram atingidos no seu coração financeiro, Nova Iorque, e também o Pentágono, em Washington, centro político-militar. O terrorismo a partir desse dia tomou dimensões imprevistas constituindo um enorme desafio para todos os Estados do Mundo.

Neste mês de setembro de 2021 em que se comemorou os vinte anos daquele fatídico dia, o nosso jornal foca este acontecimento na Diáspora da nossa Gente pela rigorosa descrição de Renato Baptista, e na rúbrica de Há 20 anos, que reproduz um texto magnifico do jovem Ricardo Graça, não deixe de ler estas rubricas que a todos nos orgulha.

Segurança também se pretende para toda a comunidade educativa e em especial para os nossos jovens alunos, neste novo ano letivo, com votos dos melhores resultados a nível académico e do seu crescimento pessoal nos valores da democracia, num caminho de responsabilidade para serem futuros cidadãos conscientes e ativos.

No rescaldo das recentes eleições autárquicas também a edição do nosso jornal deu a voz a todos os candidatos à Câmara Municipal e paralelamente são apresentados os resultados no concelho de todos os órgãos autárquicos, assim como os artigos de opinião dos nossos colaboradores focam também este assunto. Resta-me desejar as maiores felicidades para aqueles que terminam agora as suas funções autárquicas, ou que não foram eleitos.

Aos novos autarcas desejo também os maiores sucessos e espera-se agora, que todos sejam fiéis ao que prometeram e em democracia levem ao crescimento do nosso concelho, com sustentabilidade e firmeza, com novas dinâmicas e equipas comprometidas para um melhor futuro para Alvaiázere e os Alvaiazerenses.

Urge reinventar a política local, dando mais voz aos cidadãos e à sociedade civil, de forma totalmente livre, sem condicionamentos, e em segurança.